• 24 de julho de 2022

Secretário Tasca na Fiesc: “Moisés recebeu uma administração devastada”

O secretário da Administração, coronel Jorge Tasca, fez ontem uma detalhada exposição na reunião mensal da Fiesc sobre a atual gestão. Começou revelando que o governador Carlos Moisés “recebeu a administração pública devastada, com 1,1 bilhão de reais em dívidas, sem modelo de gestão e sem projetos”.

Relatou ações de recuperação e novos investimentos em infraestrutura, educação, segurança e saúde. Admitiu que “a saúde é uma das maiores fragilidades do atual governo”.

Investimentos

O secretário Tasca mostrou números sobre investimentos na atual administração. Foram 5,5 bilhões de reais em infraestrutura, 7,52 bilhões em educação, 5 bilhões em saúde (2021) e 3,5 bilhões de reais de transferência aos municípios, sendo 2,5 bilhões diretos e 1 bilhão em emendas parlamentares.  Tasca falou de contratos irregulares, de atos de corrupção que, no total, resultaram em economia de meio bilhão de reais por ano.

Fonte: ND Mais