• 13 de maio de 2021

Padre Jordan, Fundador dos Salvatorianos, será beatificado no dia 15 de maio

Está marcada para sábado, 15 de maio, a Missa de Beatificação do padre Francisco Jordan, fundador da Sociedade Salvatoriana. Na região, as cidades de Videira e Tangará têm paróquias salvatorianas. 

A cerimônia ocorrerá em Roma, e será transmitida pela TV Aparecida às 5h30 (horário de Brasília), como comenta o Padre Milton Zonta, Superior Geral dos Salvatorianos:

ASSISTA A ENTREVISTA COM O PADRE MILTON ZONTA

A Beatificação

Neste sábado, 15 de maio, será celebrada a cerimônia de beatificação do Padre Francisco Jordan, na Basílica São João de Latrão, em Roma.

O sacerdote é o fundador da Família Salvatoriana, que congrega religiosos, religiosas e leigos e está presente no Brasil desde 1896.

Padre Francisco Jordan será beatificado neste sábado, 15

A missa será presidida pelo Cardeal Angelo De Donatis, Vigário-Geral do Papa Francisco para a Diocese de Roma e contará com a reduzida presença da Família Salvatoriana, devido a atual situação da pandemia, restrições e regulamentos.

O milagre

O milagre que elevou o Padre Francisco Maria da Cruz Jordan à beatificação aconteceu no Brasil, na cidade de Jundiaí/SP, em 2014. Um jovem casal, Fernando Ferreira da Silva e Gisele Cardoso Santos Silva, esperava seu primeiro bebê e, após várias investigações, foi informado por médicos/as especialistas que o feto sofria de uma doença óssea incurável (displasia esquelética). O casal era membro do grupo de Leigos Salvatorianos e pediu a intercessão do Venerável Servo de Deus, Padre Jordan, convidando outros membros da Família Salvatoriana para se juntarem a eles. 

A criança, Lívia Maria Ferreira Santos Silva, nasceu com plena saúde no dia 8 de setembro de 2014, dia do aniversário da morte de Padre Francisco Jordan. Depois que os procedimentos canônicos exigidos foram concluídos com sucesso, o Santo Padre, Papa Francisco, declarou que esta cura milagrosa foi operada por Deus por intercessão de Pe. Francisco Jordan.

Sua vida e sua obra

Padre Francisco Maria da Cruz Jordan nasceu em Gürtweil, sul da Alemanha, aos 16 de junho de 1848 e faleceu em 08 de setembro de 1918, em Tafers, na Suíça. Órfão de pai aos 14 anos, Jordan teve que abandonar os estudos para trabalhar e ajudar no sustento da família. Jovem inquieto, corajoso e persistente, lutou em busca de seu ideal. Aos 21 anos de idade volta a estudar e com 26 anos inicia seus estudos universitários, e é ordenado sacerdote aos 21 de julho de 1878.

Em 1880 Padre Jordan passou vários meses na Terra Santa. Ali teve uma decisiva experiência de fé. Enquanto seu olhar vagava sobre a Terra Santa, vieram-lhe à mente as necessidades religiosas existentes em toda parte. Após um processo de profundo discernimento da vontade de Deus, funda em 08 de dezembro de 1881 a Sociedade do Divino Salvador – padres e irmãos. Em 08 de dezembro de 1888 funda a Congregação das Irmãs do Divino Salvador, juntamente com Thereza von Wüllenweber, hoje, Bem-aventurada Maria dos Apóstolos.

A participação do laicato, no projeto de Jordan, esteve desde o início, enquanto organização instituída, hoje é nomeada Comunidade Internacional do Divino Salvador. No Brasil, a Família chegou com os salvatorianos e, em 1936, com as irmãs. O início dos grupos de leigos aconteceu em 1986.

Fonte: RBV Notícias / Família Salvatoriana

Fique ligado nos conteúdos!

Receba atualizações, dicas, artigos e conteúdos especiais com prioridade!

Anuncie sua Empresa

Contrate uma assinatura e publique um selo para anúncio*