• 23 de janeiro de 2022

Motorista que só tem um braço é multado por dirigir com mão para fora do carro

Um comerciante de 72 anos, que não tem o braço esquerdo, foi multado por dirigir sem uma das mãos no volante, com o braço para fora da janela, no Centro de Vitória.

O motorista, que preferiu conversar com a reportagem sem ser identificado, contou que foi multado na Rua Graciano Neves enquanto entrava com o carro na garagem do seu restaurante, no dia 15 de dezembro de 2021.

“O referido motorista estava conduzindo o veículo com um dos braços para o lado de fora”, diz a multa recebida pelo comerciante.

Ele garantiu que era ele quem estava dirigindo o veículo quando foi multado pela Polícia Militar.

O carro do comerciante é adaptado e na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) consta que ele é tem uma limitação, mas mesmo assim, ele recebeu a notificação da multa em casa.

“Poderia ter me dado a multa por outras coisas e não teria nem recurso, mas essa? Já recorri. Tem que ter um respeito maior com os comerciantes e com o usuário”, disse.

A PM informou que irá apurar o ocorrido, mas já adiantou que não encontrou registro de adaptação para pessoa com deficiência no carro que era guiado pelo comerciante.

A Secretaria Municipal de Segurança Urbana (Semsu) informou que, nesse caso, o veículo pode ter sido utilizado por outra pessoa, que não seja o proprietário.

Ainda segundo a Semsu, condutores de veículos que são pessoas com deficiência, seja motora ou visual, precisam ter essa informação na CNH para que, em caso de abordagem, apresente o documento.

A Secretaria de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana (Setran) disse que para recorrer da multa, a pessoa que recebeu o auto de infração deve protocolar o processo virtualmente no site da prefeitura ou em caso de dificuldade procurar o órgão, na Enseada do Suá, Edifício CIAC, 5° andar, sala 520.

Fonte: G1